Condicionador de ar X Climatizador

Então, a questão do climatizador aguçou a curiosidade de muitos. Já estou com ele há mais de uma semana, já passei por dias MUITO quentes e já posso dar meu parecer. Primeiramente, precisamos deixar bem claro que um climatizador e um condicionador de ar têm funções bastante distintas, o que faz com que tenham uma boa diferença de preços e resultados. Primeiro vou falar um pouco das características de cada um, e depois dou meu parecer, certo?

Condicionador de ar


Os condicionadores de ar resfriam o ambiente, podendo fazê-lo grandes espaços, dependendo de sua potência. A maioria deles necessita de instalação interna/externa, seja por meio de "janelas", ou por meio de "tubos". Existem modelos portáteis, que por tal características, tornam-se menos eficientes. A maioria possui temperatura quente/frio e podem ser utilizados tanto no verão quanto no inverno. Têm tendência a deixar o ar ambiente mais seco. Gastam bastante energia elétrica e, caso não sejam portáteis, não podem ser movidos de lugar sem uma nova instalação. 

Climatizador


Refresca o ambiente, regulando a umidade do ar. Dependendo do local onde está instalado pode baixar em até 12ºC a temperatura ambiente. É mais eficiente quando utilizado em espaços menores, e não necessita de instalação, acompanha rodinhas para seu deslocamento. Pode ter opção quente/frio, mas a maioria vêm apenas com a opção fria. Gasta até 90% menos energia elétrica que um condicionador de ar, sendo considerado ecologicamente correto por este fator. 


Minha opinião




Na questão do preço, o climatizador ganha com uma larga vantagem do condicionador de ar. O meu é esse modelo aí acima (Nell), e paguei R$210,00 à vista com frete grátis no Magazine Luiza. Mas eles parcelam super bacana e sem juros (dependendo da quantidade de parcelas). 

É muito prático, posso levá-lo para qualquer cômodo da casa. Com relação a resfriar: essa é a grande diferença entre climatizador e condicionador de ar. O climatizador REFRESCA e UMIDIFICA o meio ambiente. O condicionador de ar, gela mesmo. Na questão de resfriamento, o condicionador ganha, porque deixa o ambiente frio mesmo. O climatizador apenas refresca. 

E aqui quero fazer alguns "adendos". Foram poucos dias de uso ainda, mas já desenvolvemos uns "macetes" para a questão da refrigeração melhorar. Na parte traseira, o climatizador vem com um recipiente acoplado, que deve ser enchido de água e posto nele duas "garrafinhas" achatadinhas que devem estar congeladas. A primeira dica é não esquecer de congelar essas duas garrafinhas. Com a água do compartimento fria, a sensação térmica melhora muito, refresca CONSIDERAVELMENTE. Um macete que adotamos aqui foi, além das garrafinhas congeladas, encher o recipiente com água gelada também. Isso ajuda DEMAIS. O ar que ventila dele, além de devidamente umidificado, sai geladinho mesmo, uma delícia.  Essa água do recipiente dura entre 4 e 6 horas, dependendo da umidade relativa do ar (em dias mais secos, dura menos), então o aparelho emite um aviso e a umidificação deve ser desligada, ou o recipiente preenchido com mais água. Normalmente eu só desligo o umidificador e prossigo no sono (ele vem com controle remoto), pois o ar já está climatizado, e a ventilação dá conta do recado. 

Com relação à eficiência energética, o manual do aparelho diz que ele gasta o equivalente a uma lâmpada de 60W (não daquelas econômicas, lógico), mas ainda não pude afirmar se confere, pois preciso que vire o mês para balancear o gasto de luz e dar um parecer mais definitivo. Vamos ver.

Comprei o climatizador bem consciente do resultado que teria. Pesquisei muito sobre as diferenças entre um e outro e sobre a eficiência de cada marca. Por isso não comprei um Cônsul, ou outra marca renomada: as recomendações que encontrei pela internet favoreciam esta marca, Nell, ainda que desconhecida. Se quiserem conferir, basta pesquisarem também. 

Enfim, estou bem satisfeita. Claro que eu ADORO passar frio mesmo, então um condicionador de ar me agradaria muito. Por outro lado, o financeiro me fez optar pelo climatizador, e estou gostando MUITO, pois tem tornado as noites muito mais amenas, e o melhor é que, como tenho asma e rinite, não tenho as crises frequentes que tenho quando durmo em um ambiente com condicionador de ar, graças à umidificação do ar. 

Então digo o seguinte: se você está com uma graninha sobrando (aparelho + instalação), e não tem problemas respiratórios, invista num condicionador de ar. Se a grana está curta, não quer gastar, ou tem problemas mais sérios com asma e rinite, ou outras alergias respiratórias, um climatizador cai muito bem. Lembrando que quando mais seco for o clima, maior o efeito de climatização dele. 

Enfim, acho que é isso, espero que ajude!

Beijão!

Um comentário:

  1. É, aqui todo mundo é viciado num ar-condicionado, por causa do calor que faz o ano todo, mas é um veneno pra saúde por causa do tempo seco. Eu mesma não aguento com ar-condicionado, tenho um reumatismo leve e esse troço me trava inteira e me deixa com a mão roxa (e na escola as salas de aula têm e a gente tem que ligar D:). Mas aqui em casa temos um climatizador e ele quebra bem o galho. No resto da casa é só o bom e velho ventilador mesmo, o 'soprador de poeira'.

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita! Beijos!

Posts bacanas que podem te interessar!